Veja como fazer festas de fim de ano mais sustentáveis!

Presentes, refeições, produtos de papel, flores, viagens, bebidas, fogos, enfeites, roupas. Cada cerimônia provoca um impacto ambiental extraordinário

 

Você já pôs na ponta do lápis seus gastos para as festas de fim de ano?

Segundo dados do “Estado do Mundo – 2010”, produzido pelo Wordwatch Institute (WWI) e publicado em português pelo Akatu,  só os americanos, com 5% da população mundial, abocanham uma fatia de 32% do consumo global. Se todos vivessem como os americanos, o planeta só comportaria uma população de 1,4 bilhão de pessoas. Nossas classes A e B+ têm padrão de consumo semelhante. Esse excesso tende a se repetir nas festas.

Portanto, ao começar a planejar sua festa, lembre-se dos “Oito Rs” do consumo consciente:

1.    reduzir,
2.    reutilizar,
3.    reciclar,
4.    respeitar,
5.    refletir,
6.    reparar
7.    responsabilizar-se
8.    retuitar informações

Dicas:

Siga o Akatu no twitter
Para ter informações sempre atualizadas sobre consumo consciente, dicas, novidades e retuitar para sua rede. Para seguir, clique aqui.

Escolha fornecedores responsáveis
O setor de serviços de entretenimento, lazer e eventos registra muita informalidade e relações precárias de trabalho.
Só um exemplo: você já notou que há poucas grávidas trabalhando em festas e eventos (da recepção à limpeza)? Muitas empresas mantêm as pessoas que prestam serviços em festas, apesar da regularidade quase diária, com contratos precários, bicos ou free lancers. Como não há relações trabalhistas formais, a pessoa quando doente não recebe e, se ficar grávida, é demitida.
Portanto prefira, bufês, clubes, serviços em geral que pratiquem de verdade a responsabilidade social, que muitas vezes alegam em suas propagandas. Ter responsabilidade social é respeitar as leis trabalhistas do país entre outros valores e práticas.

Ao produzir a festa, não compre produtos piratas ou contrabandeados
Pagar menos por produtos piratas ou contrabandeados não compensa: você estará contribuindo com o crime organizado e com o conseqüente aumento da violência no seu bairro, na sua cidade, no seu país.

Escolha produtos de empresas social e ambientalmente responsáveis
Informe-se sobre as empresas das quais vai comprar. Valorize as que comprovadamente praticam a responsabilidade socioambiental.

Avalie bem quando comprar a prazo
Caso opte por comprar a prazo, verifique a taxa de juros e analise se a prestação é adequada ao seu orçamento.  Caso pague à vista, negocie um desconto no preço. E não esqueça de fazer uma reserva no seu orçamento.

Cuidado com os utensílios
Dê preferência a papéis e embalagens recicláveis. Reutilize materiais de festas passadas. Ao final, guarde o que for possível e recicle o restante.
Prefira utensílios (copos, talheres, pratos…) reutilizáveis.

Cuidado com os enfeites
Guarde os enfeites com cuidado e os reutilize em outras festas. Na decoração com luzes, use lâmpadas de baixo consumo e apague-as antes de dormir.

Dispense os pacotes para presente
Sugira aos convidados que os presentes podem vir sem embrulhos enfeitados, que gastam um monte de papel, fita, laço e plástico. Pacotes de presente precisam desaparecer na transição para a sociedade sustentável do século 21. Comece a mudança na sua festa. Inicialmente pode até parecer estranho, mas será um bom exemplo. Quem sabe seus parentes e amigos não começam a fazer igual nas próximas?…

Decore conscientemente
Se possível opte por enfeite vegetais – pequenas árvores, arranjos –
plantados em um vaso. As pessoas podem levar para manter em casa, plantar em seus jardins…
Na compra de novos, prefira os artesanais ou feitos a partir de materiais reciclados e recicláveis.

Faça doações
Você também pode doar seus presentes para ONGs e entidades de ação social. Avise aos convidados que, em vez de presente, podem depositar o valor correspondente na conta da entidade.

Doar em dinheiro é sempre melhor
Porque evita o consumo desnecessário, evita que as pessoas usem o carro para ir às compras e ainda oferece à entidade a chance de comprar o que ela realmente precisa. Por exemplo, no verão, as pessoas podem doar ventiladores, lençóis, camisetas etc… mas o que realmente a entidade precisava era de telhas para cobrir um telhado quebrado numa época de muita chuva…

Mesa farta, mas consciente
Compre apenas a quantidade de alimentos e bebidas que você estima que realmente será consumida. Prefira produtos cultivados na sua região, reduzindo assim o custo de transporte e o desperdício. Se possível, evite as garrafas plásticas. Se for inevitável, separe tudo, tudo mesmo, para a reciclagem.

Dissemine o consumo consciente
Aproveite a festa e dissemine o consumo consciente entre seus amigos. Converse, aponte os motivos de suas escolhas nesta festa. Seu exemplo vai inspirar seus convidados a fazer o mesmo. Se não o mesmo, pelo menos algumas iniciativas. É o começo da conscientização e da mobilização.

Para cada churrasco plante uma árvore
Para produzir apenas um quilo de carne são emitidos 3,7 kg de CO2. Um churrasco para cem pessoas vai emitir, só na produção da carne, 185 kg de CO2, equivalente ao que uma árvore da Mata Atlântica sequestra durante seu crescimento em 37 anos. Sem contar transporte, carvão, bebidas, pratos, copos, talheres e o lixo produzido no final.

Recicle as latinhas de alumínio
Ao reciclar as latinhas de alumínio que consome por ano, cada brasileiro contribui evitando a emissão de 78 g de CO2, em média.
Isso significa que só a população de São Paulo, reciclando tudo, poderia contribuir com 858 toneladas a menos de CO2 na atmosfera. Equivalente a 4.500 árvores da Mata Atlântica.

Faça a tradicional listinha de compras
Em média, um terço do que compramos em alimentos vai direto para o lixo. Em um ano, cada família acumula um desperdício de 255,5 kg de comida no lixo. Portanto, é importantíssimo que sua festa não aumente ainda mais este desperdício.

Troque gasolina por álcool
A simples troca de combustível do carro já reduz a emissão de gases de efeito estufa. Um carro com motor 2.0 a álcool emite metade do CO2 de um de mesmo motor a gasolina. Preparação de festa exige muitas ida e vindas às compras. Portanto, use um carro a álcool.
Mais: planeje para comprar tudo no menor número possível de deslocamentos.
 

Siga no twitter.
Curta no facebook.
Adicione no orkut.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: