Rio de Janeiro recebe exposição sobre alternativas de transporte

Mostra multimídia apresenta soluções para problemas de mobilidade nos centros urbanos

O Centro Cultural Correios, no Rio de Janeiro, acolhe entre os dias 2 e 13 de fevereiro, a exposição multimídia “As Cidades Somos Nós – Desenhando a Mobilidade do Futuro”. A mostra itinerante apresenta projetos urbanísticos com enfoque em sustentabilidade, criados por dez escritórios de arquitetura de diversos países. A iniciativa é do Instituto de Políticas de Transportes e Desenvolvimento (ITDP, sigla em inglês), sediado em Nova Iorque, nos Estados Unidos. Apresentada primeiro em Nova Iorque, em setembro último, agora, a exposição será exibida simultaneamente no Rio de Janeiro e na Cidade do México.

Depois, mais sete cidades vão receber a mostra: Buenos Aires (Argentina), Ahmadabad (Índia), Jacarta (Indonésia), Johanesburgo (África do Sul), Guangzhou (China), Dar Es Salaam (Tanzânia) e Budapeste (Hungria).

A ideia é “ajudar a imaginar como seriam as nossas cidades e ruas projetadas para as necessidades das pessoas, e não as dos automóveis”, afirma Walter Hook, diretor-executivo do ITDP, que também chama a atenção para o fato de que até 2030, 60% da população mundial viverá nas cidades, que precisarão de amplas transformações para lidar com este novo fluxo de pessoas. Sistemas sustentáveis de transporte permitem que todos os elementos da vida urbana – habitação, desenvolvimento econômico e espaços públicos – atendam às necessidades de populações, sem aumentar o aquecimento global.”

Alternativas para gastar menos tempo no trânsito, viajar com conforto e em segurança, evitar congestionamentos, poluição sonora e do ar são apresentadas na exposição. Essas situações geram problemas de saúde, baixa produtividade no trabalho e afetam a economia de metrópoles do mundo inteiro.

Consumidor consciente e transporte
O consumidor também tem sua responsabilidade neste problema e pode agir de forma a contribuir para a melhora da mobilidade urbana.

Quando ele tem disponível uma alternativa decente de transporte público, algumas perguntas antes de tirar o carro da garagem podem ajudar a tornar a mobilidade mais consciente. Meu modo habitual de deslocamento gera muita poluição? Há como reverter esse quadro? Uso meu carro somente quando não há outra forma de transporte? Como eu posso mudar os meus deslocamentos e evitar o agravamento do congestionamento? Há formas de eu me deslocar que causem menos impactos a mim e a outras pessoas?

O Akatu produziu uma Cartilha de Orientação para o Uso Consciente do Transporte. Baixe aqui a sua, compartilhe com amigos e mobilize suas redes sociais – reais e virtuais.

Leia também:

Cidades brasileiras carecem de planejamento para ampliar e gerenciar a mobilidade

Crescimento da frota ameaça esgotamento de trânsito e recursos

Serviço

O que:Exposição “As Cidades Somos Nós – Desenhando a mobilidade do futuro”
Quando: lançamento dia 2 de fevereiro, às 19h30. Aberta ao público de 3 a 13/02, das 10h às 19h, de terça a domingo.
Onde: Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, Rio de Janeiro.Quanto: Entrada franca.
Contato: (0xx21) 2253-1580.

Se você quiser seguir o Akatu no twitter, clique aqui.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: