O saudável nos produtos e na forma de viver e não o prejudicial

Nos 10 Caminhos para a Produção e o Consumo Conscientes, Instituto Akatu orienta consumidor e empresas a valorizar o saudável nos produtos e na forma de viver

 

Para construir a sociedade do bem-estar – que proporcione o suficiente para todos, para sempre – o Instituto Akatu aponta os 10 Caminhos para a Produção e o Consumo Conscientes. Ao conhecê-los e valorizá-los, seja ao fazer suas compras no supermercado ou no modo de operar o seu negócio, você pode contribuir desde já para a construção de uma sociedade mais sustentável. A seguir, conheça o primeiro caminho sugerido pelo Akatu:

5. O saudável nos produtos e na forma de viver e não o prejudicial

Opções saudáveis, como a prática de esportes, alimentação balanceada e orgânica (sem o uso de defensivos tóxicos) e o equilíbrio entre trabalho e lazer, aumentam o bem-estar de todos. Pessoas mais saudáveis têm menos necessidade de consumo de remédios, tratamentos e exames médicos – o que os especialistas chamam de medicina preventiva. Além de outros benefícios facilmente perceptíveis como boa disposição e melhores desempenhos nos processos de aprendizagem.

Escolher o que não é prejudicial para a sua saúde e de sua família, além de mudança de hábitos, requer acesso a muita informação. Quantos produtos não se sabia que faziam mal à saúde e hoje não são recomendados para muitas pessoas? Por isso, é essencial termos mais informações sobre a composição e origem dos produtos nos rótulos e campanhas de esclarecimento à população sobre hábitos saudáveis.

10 Caminhos para a Produção e o Consumo Conscientes

1. O durável mais que o descartável
2. A produção local mais que a global
3. O compartilhado mais do que o individual
4. O aproveitamento integral e não o desperdício
5. O saudável nos produtos e na forma de viver e não o prejudicial
6. O virtual mais que o material
7.  A suficiência e não o excesso
8.  A experiência e a emoção mais do que o tangível
9.  A cooperação para a sustentabilidade mais do que a competição
10. A publicidade não voltada a provocar o consumismo

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: