Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental chega à 6ª edição

Festival oferecerá sessões gratuitas de 1 a 14 de junho em São Paulo e vai abordar os temas Trabalho, Alimentação e Gastronomia

Cena do filme “Eis os delírios do mundo conectado” – Crédito: Divulgação

 

A 6º edição da Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental será realizada de 1 a 14 de julho em São Paulo. O festival irá exibir produções audiovisuais de diversos países voltadas para temas socioambientais, focadas principalmente em três eixos temáticos: Trabalho, Alimentação e Gastronomia.

Neste ano, será homenageado o cineasta Vincent Carelli, antropólogo, indigenista e premiado documentarista. Seus longas-metragens recentes (os elogiados “Corumbiara” e “Martírio”) serão incluídos na programação, além do projeto Vídeo nas Aldeias, de 1980.

O festival também trará uma retrospectiva histórica focalizando a Amazônia no imaginário cinematográfico brasileiro, com exibição de obras premiadas do período de 1974 a 1991, realizadas por Hector Babenco, Carlos Diegues, Zelito Vianna, Gustavo Dahl, Hermano Penna e André Luiz Oliveira.

A Mostra Contemporânea Internacional, voltada a produções recentes selecionadas nos principais festivais de cinema do planeta, é organizada em sete eixos temáticos: alimentação e gastronomia; cidades; contaminação; economia; mudanças climáticas; povos & lugares; e trabalho. Cada eixo é tema de um debate com a participação de especialistas renomados que oferecem análises sobre os principais filmes.

Da Competição Latino-Americana participarão 32 produções representando sete países: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, México e Uruguai. Em foram recebidas 374 inscrições desta região, com aumento de 66% em relação ao ano anterior, segundo os organizadores.

A mostra também inclui a segunda edição do Concurso Curta, que premia filmes de estudantes universitários e de escolas técnicas de audiovisual. Os melhores trabalhos serão exibidos no Circuito Universitário e na Mostra Escola Ecofalante.

Todas as sessões são gratuitas, realizadas nos seguintes cinemas: Cine Reserva Cultural, Cine Caixa Belas Artes, Livraria Cultura Bourbon Shopping, Fábricas de Cultura e no Circuito SPCine: Centro Cultural São Paulo, Cine Olido, Centro Cultural Cidade Tiradentes, Biblioteca Roberto Santos e unidades dos CEUs (Centro Educacional Unificado). A Mostra é uma realização da ONG Ecofalante, do Ministério da Cultura, do Governo Federal e da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: