Dia da Erradicação da Pobreza: conheça a origem

Em 17 de outubro é celebrado o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza. O tema faz parte dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

Crédito: ONU

 

O Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza é celebrado em 17 de outubro. A data surgiu a partir de uma iniciativa do padre e ativista Joseph Wresinski, no ano de 1987. Nesta data, ele reuniu cerca de 100 mil pessoas para promover o primeiro Dia Mundial para a Erradicação da Miséria, na Praça dos Direitos Humanos e Liberdade, em Paris (França), no mesmo lugar em que foi assinada a Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 1948. Eles homenagearam as vítimas da pobreza extrema, da violência e da fome com mensagens em uma pedra comemorativa. Mais tarde, foram criadas réplicas que foram espalhadas por vários lugares do mundo. Uma delas está no jardim da sede das Nações Unidas, onde a comemoração anual é organizada pela instituição, oficialmente, desde 22 de de dezembro de 1992. Nesta data, A Assembleia Geral da ONU convidou todos os Estados-Membros a apresentar e promover atividades concretas para a erradicação da pobreza e da miséria. E isso tem sido feito em todos esses anos.

O tema é tão importante que entrou nos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) de 2015. O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, ressalta: “Tem que colocar a erradicação da pobreza como sua maior prioridade e o desenvolvimento sustentável na sua essência. Porque a única maneira de tornar a erradicação da pobreza irreversível é colocando o mundo no caminho do desenvolvimento sustentável”, declaração dele publicada no site oficial da ONU. O Instituto Akatu também reconhece a importância dos ODM da ONU, e acredita que a agenda para o desenvolvimento sustentável deve ser prioridade para todos.

A celebração em 2014
Este ano, o tema é “Não deixe ninguém para trás: pensar, decidir e agir em conjunto contra a extrema pobreza”. A ideia é reconhecer e destacar o desafio exigente de identificar e assegurar a participação das pessoas em situação de pobreza extrema e exclusão social na Agenda de Desenvolvimento Pós-2015, que substituirá os Objetivos do Desenvolvimento do Milênio.

O evento, que acontece na sede da ONU, em Nova Iorque, será organizado em parceria com o Movimento Internacional ATD Fourth World, as organizações do Comitê para a Erradicação da Pobreza e também do Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais das Nações Unidas, com o apoio das Missões da França e de  Burkina Faso das Nações Unidas. Haverá também uma exposição de artes feita por pessoas que vivem em situação de pobreza. Veja mais detalhes no site da ONU (em inglês). Outros países também deverão promover eventos ligados ao tema na mesma data.

(Fonte consultada: site da ONU).

 

Leia mais:

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU: rumo a um futuro mais verde e inclusivo

Instituto Akatu vai à ONU debater Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: