Data celebra a coletividade

Dia da Amizade foi criado para comemorar o homem organizado em comunidade, e não individualmente, para vencer os desafios do cotidiano

O Dia Internacional da Amizade (Ou do Amigo) – comemorado em 20 de julho – surgiu a partir da ideia do professor, músico e dentista argentino Enrique Ernesto Febbraro, que considerou o marco da chegada do homem à Lua, em 20 de julho de 1969, como uma possibilidade de fazer amigos em todo o universo.

Para Febbraro, o feito espacial de 42 anos atrás demonstrava que, se o homem se unisse a seus semelhantes, não haveria obstáculos intransponíveis. Ele enviou cerca de 4.000 cartas para diversos países com o intuito de instituir o Dia do Amigo.

Após dez anos, Febbraro  conseguiu que a data fosse reconhecida na Argentina. Em 1985, na Organização das Nações Unidas (ONU) e, aos poucos, em diversos países do mundo. A conquista rendeu a ele duas indicações do Prêmio Nobel da Paz.

No Brasil, apesar de não ser regulamentada por lei federal, a data é comemorada popularmente em 18 de abril. No entanto, o país também vem adotando a data internacional, sendo inclusive instituída oficialmente nos Estados de Rio de Janeiro e São Paulo e o no município de Belo Horizonte (BH).

Para seguir o Akatu no Twitter clique aqui.
Acompanhe o Akatu também no Facebook.

Leia mais sobre o Dia da Amizade

 

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: