Continuar com o celular antigo ao invés de investir em um novo pode render uma viagem internacional

Seu celular ainda funciona bem? Fique com ele ao invés de comprar um novo e passe 4 dias em Buenos Aires, com aéreo e hospedagem inclusos

Os smartphones foram a categoria de produto mais comprada durante a Black Friday de 2017, correspondendo a 39% das vendas, segundo a pesquisa Provokers de 2018.

A cada ano, vemos o lançamento de uma nova geração de smartphones, o que, muitas vezes, nos induz a querer trocar o nosso celular por um que é apresentado como de alta performance e tecnologia, mesmo quando o que temos não está quebrado ou precisando de reparo. Por isso, é importante refletirmos sobre a real necessidade de trocar de aparelho e, possivelmente, concluir que não é necessário tal troca, resistindo ao fluxo das promoções “bombásticas” que nos fazem acreditar que precisamos de um novo smartphone.

Nesse sentido, o Akatu já mostrou aqui que os brasileiros precisam trabalhar 190 horas para comprar um novo smartphone. E se, ao invés de comprar um novo aparelho, você usasse este dinheiro para viajar para fora do país? A experiência de uma viagem é única e pode trazer novos conhecimentos, contato com uma nova cultura, possibilidade de novas amizades, entre outros benefícios. Conhecer novos lugares, naturalmente, tem custo, mas este pode ser o mesmo valor que seria pago por um celular novo do qual você, possivelmente, não precisa.

El Caminito, Buenos Aires. Foto: Pixabay

Se você conseguir resistir às tentações da Black Friday e evitar comprar um novo smartphone* só porque ele está “mais barato”, deixará de gastar uma quantia suficiente para bancar sua  viagem** de quatro dias para Buenos Aires, na Argentina, com aéreo e hospedagem incluídos!

*Celular novo: em média, R$ 1.300,00

**Pacote CVC de 4 dias para Buenos Aires (com hotel e aéreo) – média de preço: R$ 1.159,00  

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: