Conservação Internacional lança a campanha “A Natureza Está Falando”, nas vozes de atores

A instituição produziu sete vídeos para chamar a atenção das pessoas para a urgência de cuidar melhor do meio ambiente e garantir a própria sobrevivência

Crédito: Divulgação

 

 

“Eu sou a água. Para os humanos, eu estou simplesmente ali. Eu sou algo que eles consideram garantido. Mas existe uma quantidade limitada de mim. Mais e mais limitada a cada dia…”. Este é um dos trechos do curta-metragem “Água”, narrado pela atriz Penelope Cruz – um dos sete vídeos que fazem parte da campanha “Nature Is Speaking”  (A Natureza Está Falando), lançada pela organização ambientalista Conservação Internacional (CI) em outubro passado. Os outros filmes, que também mostram elementos da natureza, têm a participação de atores de Hollywood engajados nas causas em defesa do meio ambiente:  Harrison Ford, Edward Norton, Robert Redford, Julia Roberts, Ian Somerhalder e Kevin Spacey.

A ideia da campanha é chamar a atenção das pessoas para a urgência de cuidar melhor do meio ambiente e garantir a própria sobrevivência. A principal mensagem é uma resposta à devastação sistemática do planeta: “A natureza não precisa de pessoas. As pessoas é que precisam da natureza.”. Conheça um pouco de cada um desses sete vídeos aqui.

Água. Com a atriz Penélope Cruz. Ela fala sobre o ciclo desse precioso líquido na natureza, sua  quantidade cada vez mais limitada e a da sua importância para a vida no planeta. “Onde os seres humanos vão me achar quando existirem bilhões deles a mais por aí?”. “Será que eles vão travar guerras por mim, como eles fazem por outras coisas?”

Mãe Natureza. Com Julia Roberts. Ela mostra que a natureza não precisa das pessoas, mas que os seres humanos dependem dela para sua sobrevivência. “Suas ações vão determinar o seu destino.  Não o meu. Eu sou a natureza. Eu vou continuar…”

Oceano. Com Harrison Ford. Ele diz que todos os seres vivos precisam dos oceanos, pois são a fonte de vida na Terra, mas que, infelizmente estão sendo degradados “Eles me envenenam, depois eles esperam que eu os alimente”. “Se a natureza não for mantida saudável, os humanos não vão sobreviver”.

Floresta. Com Kevin Spacey. Ele fala sobre a exploração das matas pelo homem e coloca um grande desafio: “Eles respiram o ar. E eu fabrico o ar. Eles já pensaram nisso? Humanos fabricando o ar”.

Solo. Com Edward Norton. Ele apresenta como a terra está sendo degradada pela humanidade. “Eu estou virando poeira. Então talvez você poderia me tratar com um pouco mais de respeito? Eu imagino que você ainda queira comer? Certo?”

Árvore. Há um diálogo entre a Árvore e a Árvore Jovem, nas vozes de Robert Redford e Lena Redford (neta do ator). A mais velha explica que, quando os humanos apareceram, o mundo desabou. “Se os seres humanos não perceberem que são parte da natureza, em vez de somente usarem a natureza, eles provavelmente não estarão aqui para vê-la crescer”.

Recife de Corais. Com Iam Somerhalder. Ele explica que os humanos dependem, indiretamente, dos corais. “Eu moro no fundo do mar e pode ser que você não me veja com tanta frequência. Mas você precisa de mim. Você sabia que um quarto de toda a vida marinha depende de mim? Eu sou o berçário do mar.”

 

Leia mais:

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU: rumo a um futuro mais verde e inclusivo

Oito metas para reverter a degradação marinha nos próximos cinco anos

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: