CEO do Google defende diminuição da jornada de trabalho

Na opinião do executivo, um profissional que trabalha 8 horas diárias pode ser substituído por duas pessoas com carga horária e salário menor

Foto: Larry Page, CEO do Google, e Sergey Brin, cofundador/Divulgação

 

Comentário Akatu: reduzir a carga horária de trabalho é uma ideia que, apesar de polêmica, ganha adeptos de peso, caso do cofundador do Google, Larry Page, citado na notícia abaixo. O Instituto Akatu defende que é preciso colocar o trabalho como um dos elementos e não o único elemento de utilização de tempo durante a vida adulta. Distribuir melhor o tempo das pessoas ao longo da vida, buscando equilibrar a dedicação ao trabalho,  à educação, ao convívio familiar e com os amigos, ao lazer, permite que elas possam ter um desenvolvimento pessoal e espiritual contínuo, contribuindo para dar sentido à própria vida. Esta mudança também é necessária para a sustentabilidade econômica, dado que os fundos de pensão públicos e privados não darão conta de manter uma população cada vez mais envelhecida, a não ser que haja uma redução gradual da carga de trabalho e da correspondente remuneração. Além disso, uma jornada de trabalho menor ajudaria a diminuir o índice de desemprego, já que haveria necessidade de um número maior de pessoas para desenvolver as atividades profissionais.

O expediente de trabalho de oito horas por dia está ultrapassado, disse Larry Page, CEO cofundador do Google, maior serviço de buscas da web.

“A ideia de que todo mundo precisa trabalhar freneticamente para atender as necessidades das pessoas simplesmente não é verdadeira”, disse Page, em um bate-papo com Sergey Brin, cofundador do Google, e o criador da Khosla Ventures, Vinod Khosla, na semana passada.

Page defende que empregos de tempo integral sejam substituídos por vários trabalhos de jornada parcial. “Grande parte das pessoas gosta de trabalhar, mas também curte ter mais tempo para suas famílias ou para perseguir seus próprios interesses.”

Todos os funcionários do Google podem dedicar 20% do seu expediente a projetos a sua escolha, no qual acreditem.

Veja no vídeo a conversa completa, em inglês, de Larry Page e Sergey Brin, cofundadores do Google e o criador da Khosla Ventures, Vinod Khosla.

 

Leia mais:

Emoções, ideias e experiências: novos produtos para o século XXI – artigo de Helio Mattar, diretor presidente do Instituto Akatu

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: