Bolo de cascas de frutas sortidas vence concurso de culinária sustentável da FGV

Receita foi eleita a melhor entre as cinco finalistas do concurso; júri priorizou pratos que além de saborosos aliam práticas sustentáveis na cozinha, como o reaproveitamento integral dos ingredientes

Cascas de banana, maçã, goiaba e mamão conferem sabor e aroma agradável ao bolo vencedor do concurso de culinária sustentável, promovido pelo Centro de Cooperação Getúlio Vargas (CCGV). A competição faz parte do curso Chef GV, atividade extracurricular que durante o primeiro semestre de 2010, ofereceu a 60 alunos da Faculdade Getúlio Vargas (FGV), conceitos e práticas de sustentabilidade por meio da culinária.

Confeccionado pela dupla Débora Bizarri Paro e Helena Guerra de Azevedo, o “bolo de cascas de frutas sortidas”, aproveita integralmente os ingredientes usados. “A ideia original é reutilizar as cascas das frutas, já que muitas vezes esses restos são desperdiçados. Queríamos mostrar que elas têm utilidade”, comentam.

Segundo as vencedoras, além de usar cascas de frutas na receita, elas fizeram questão de que as frutas fossem de época, evitando o consumo de produtos produzidos longe da região de consumo. Além disso, farinha de trigo integral e ovos caipiras completam a lista dos ingredientes sustentáveis. “Só gastamos energia do forno e do liquidificador, quando batemos as cascas das frutas”, revelam.

Como prêmio, as vencedoras receberam um curso de chefe de cozinha ministrado pela renomada chef Pérola Polillo, além de um vale refeição no valor de R$ 200,00 para cada uma. Mais: para prestigiar as vencedoras, o “bolo de cascas de frutas sortidas” foi servido no coquetel de premiação, que aconteceu na última terça-feira, dia 8 de junho, no salão nobre da FGV.

Para Ademar Bueno, professor que coordenou o projeto, “o Chef GV foi um jeito divertido e diferente de discutir sustentabilidade, trazendo para sala de aula a vivência cotidiana dos alunos”.

O Instituto Akatu apoiou o projeto e ficou responsável pelo planejamento do programa de capacitação em conceitos e práticas de consumo consciente, além de participar da avaliação final das receitas finalistas do concurso.

Conheça a receita vencedora e mais quatro pratos finalistas do concurso:

Receita vencedora

Bolo de cascas de frutas sortidas

– Por Débora Bizarri Paro e Helena Guerra de Azevedo

Ingredientes:
– 3 copos de cascas de frutas (goiaba, maça, banana, mamão);
– 2 colheres (sopa) de margarina;
– 2 colheres (sopa) de fermento em pó;
– 3 ovos;
– 2 xícaras (chá) de farinha de trigo integral;
– 2 xícaras (chá) de leite;
– 2 xícaras (chá) de açúcar mascavo.

Modo de preparo:
Primeiramente, bata no liquidificador todas as cascas das frutas lavadas e o leite e reserve em um recipiente. Em seguida, bata as claras em neve, as gemas, a margarina e o açúcar mascavo no liquidificador. Acrescente nessa mistura as cascas com o leite já batidos, a farinha de trigo integral e o fermento e misture. Leve para assar em forma untada no forno pré-aquecido.

Rocambole de acelga

Ingredientes:
– 2 folhas de acelgas (só a parte verde)
– 1 tomate
– 1 pepino japonês
– 1 cebola
– 4 fatias de mussarela
– 4 fatias de peito de peru
– 2 folhas de acelgas (só a parte verde)
– 1 tomate
– 1 pepino japonês
– 1 cebola
– 4 fatias de mussarela
– 4 fatias de peito de peru

Modo de preparo:
Picar bem o tomate, pepino e cebola. Colocar sal e reservar. Abrir a folha de acelga e forrar primeiro com peito de peru(2) e mussarela (2). Pegar a metade da porção picada e apertar para tirar o excesso de água e distribuir na mussarela. Enrolar como se fosse um rocambole e dar uma apertadinha para grudar. Pode-se enrolar no papel laminado e deixar até a hora de cortar. O corte deve ser feito como sushi em fatias.

Receita: Tabule sustentável dos chefs

Ingredientes:

– ½ xícara de grão de bico
– 1 cenoura
– 1 pepino com casca
– 1 tomate
– ¼ pimentão
– Cebolinha, salsinha e hortelã;

Modo de Preparo:
– Cozinhar o grão de bico para que ele amoleça;
– Lavar bem todos os ingredientes em água corrente;
– Pique a cenoura, o pepino o tomate e o pimentão em pedaços bem pequenos;
– Espere o grão de bico esfriar;
– Pegue uma vasilha funda e coloque todos os ingredientes;
– Tempere com gengibre ralado, azeite de oliva extra-virgem e sal marinho.
E estará pronto para servir.

Receita: Salada de Frutas do Chef

Ingredientes:
– Frutas (4 maçãs, 4 bananas (prata e/ou maçã), 2 cachos de uva (Itália e/ou rubi), 4 ameixas, 2 peras, 2 tangerinas, 2 maracujás para suco, água para o suco, açúcar para o suco (a gosto);
– Creme (6 xícaras (chá) de leite, 8 colheres (sopa) de farelo de aveia Mãe Terra, 6 colheres (sopa) de mel de abelhas nativas e 80g de castanha-do-pará)

Modo de preparo:
– Frutas: separar o maracujá e o açúcar. Quanto às outras frutas: corte-as e coloque-as em uma vasilha (Antes retire sementes da maçã, da tangerina, da uva rubi e da pêra). Corte os maracujás ao meio e bata no liquidificador junto com a água e com o açúcar, conforme sua preferência do sabor do suco. Coe o suco. Junte o suco com as frutas na vasilha.

– Creme: misture com um batedor o leite desnatado e o farelo de aveia. Passe para uma panela, leve ao fogo, adicione o mel e as castanhas, mexendo sempre.

Receita: Antepasto de Berinjela com farinha de Castanha do Pará

Ingredientes:
– 5 Berinjelas pequenas
– Gengibre
– 50 gramas de farinha de castanha do Pará
– 1/2 pimentão verde ou vermelho
– 1 cebola pequena
– Salsinha
– Orégano
– Vinagre de maçã
– Azeite de Oliva
– Azeitonas verdes
– Sal a gosto
– Água
– Pão de arroz integral

Modo de Preparo:
Lave bem as berinjelas. Retire apenas filetes da casca. Corte em rodelas com grossura de, aproximadamente, um dedo. Coloque-as em uma panela e cubra-as de água. Deixe ferver até amolecerem. Enquanto as berinjelas cozinham, pique a cebola, o pimentão, a salsinha e as azeitonas em pedaços bem pequenos. Depois da fervura, coloque a berinjela em um escorredor e esprema bem até sair toda a água. Coloque-a num refratário e junte a cebola, o pimentão, a salsinha e as azeitonas. Acrescente raspas do gengibre, o orégano e a farinha de castanha do Pará. Tempere com o vinagre de maçã, o azeite e o sal. Sirva com o pão de arroz integral.

Dicas:
Tome cuidado com o gengibre. Ele dá um sabor especial, mas em excesso deixa a receita com um sabor muito forte. Antes de servir, espere a berinjela esfriar e coloque, nem que seja por pouco tempo, na geladeira. O ideal é fazer de véspera, assim, o antepasto fica mais saboroso. Uma sugestão é fazer sanduíches usando queijo branco. Fica uma delícia!

Se você quiser seguir o Akatu no Twitter, clique aqui.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: