Artesanato no supermercado

Desde agosto de 2003, o programa Caras do Brasil leva a lojas da rede Pão de Açúcar mercadorias que antes não chegavam às prateleiras de grandes…

Desde agosto de 2003, o programa Caras do Brasil leva a lojas da rede Pão de Açúcar mercadorias que antes não chegavam às prateleiras de grandes supermercados. São alimentos, produtos de beleza e peças artesanais de dezesseis Estados do Brasil feitos por pequenos produtores, grupos e organizações que preservam o meio ambiente e respeitam suas comunidades.

O programa pretende ser um canal de venda para os produtos de manejo sustentável, suprindo um dos principais problemas de organizações civis que possuem atividade produtiva: o da comercialização. Além disso, o Caras do Brasil quer difundir o uso de produtos ecológicos e promover o crescimento econômico dessas comunidades, gerando riqueza a populações menos favorecidas e incentivando a fixação das pessoas em seus locais de origem. O Caras do Brasil beneficia diretamente 3.500 pessoas e mais de 13 mil indiretamente, de 77 comunidades diferentes.

Para fazer parte do grupo de fornecedores, o Pão de Açúcar exige alguns requisitos, listados na página do programa na internet. Alguns deles são: ser uma empresa legalmente constituída, habilitada a emitir nota fiscal de venda e recolher os impostos e encargos, combater o trabalho infantil, respeitar os direitos dos povos indígenas, respeitar o meio ambiente e promover a distribuição de renda na comunidade em que atua.

Leia mais:

Programa Caras do Brasil

 Se você quiser seguir o Akatu no twitter, clique aqui.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: