10YFP Trust Fund recebe propostas até 11 de setembro

Instituições e agências do governo e organizações sem fins lucrativos podem enviar propostas de projetos na área de Estilos de Vida Sustentáveis e Educação

O 10YFP Trust Fund está na sua terceira chamada para propostas, que receberá inscrições até 11 de setembro. Desta vez, as propostas devem ser na área de Estilos de Vida Sustentáveis e Educação. Governos e organizações sem fins lucrativos em países em desenvolvimento e países com economias em transição podem submeter suas propostas.

O principal objetivo do Trust Fund é apoiar a implementação dos programas do 10YFP (10-year framework of programmes), empenhados em acelerar as mudanças em direção a modelos de produção e consumo sustentáveis em países em desenvolvimento. No total, serão oferecidos US$ 500 mil dólares aos projetos selecionados.

Mais informações http://www.unep.org/10yfp/ActorsStructure/TrustFund/tabid/106253/Default.aspx:

Documentos:

Guia de inscrições

Formulário de orçamento

Formulário de informações

Guidelines das regras para o orçamento

[Clique aqui para submeter a sua proposta]

Hoje, nossa pegada ecológica global é uma vez e meia maior que a capacidade da Terra de renovar os seus recursos. Se nada mudar, em 35 anos, uma população crescente – que pode chegar a 9,6 bilhões em 2050, precisará de quase 3 planetas para sustentar nosso estilo de vida. Por isso, é necessário repensar nossas formas de produção e consumo para quem possamos viver sem extrapolar os limites do planeta. O projeto e a implementação de políticas efetivas, instrumentos econômicos, estratégias de negócios e infraestrutura são essenciais para oferecer condições para estilos de vida sustentáveis.

Nesse contexto, a missão dos programas de estilos de vida sustentáveis e de educação é de promover os estilos de sustentáveis de vida a ponto de torná-los comuns. O objetivo é trazer uma contribuição positiva que ajude a enfrentar os desafios globais como a conservação da biodiversidade, mitigação e adaptação às mudanças climáticas, erradicação da pobreza e bem-estar social.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: