O Estado de S. Paulo: Para especialistas, empresas têm papel central na evolução da sustentabilidade

O jornal O Estado de S. Paulo de 24 de agosto fez uma matéria para falar sobre o seminário “Sustentabilidade: a Transformação do Modelo de…

O jornal O Estado de S. Paulo de 24 de agosto fez uma matéria para falar sobre o seminário “Sustentabilidade: a Transformação do Modelo de Negócios”, promovido pela Câmara Americana de Comércio Brasil-Estados Unidos (Amcham) e pelo jornal, para o qual Helio Mattar, diretor presidente do Instituto Akatu, fez uma apresentação. Juntamente com outros especialistas, discutiram modelos de negócios inovadores e a necessidade de disseminar uma forma diferente de consumir.

Na ocasião, Helio disse que o mundo já consome 60% a mais de recursos do que é capaz de regenerar e que 16% da população é responsável por 78% do consumo. “Nós continuamos na mesma velocidade de utilização de recursos do planeta e as empresas são centrais para mudar isso”, explica. Para tentar resolver isso, até 2020, seriam necessárias tecnologias que pudessem reduzir o uso de recursos naturais em 75%. “Portanto, trabalhar de forma sustentável, de forma a ter o suficiente para todos para sempre exige mudanças de tecnologia, políticas públicas e também uma nova consciência dos consumidores. Não estou dizendo que é preciso limitar o consumo, mas sim, consumir diferente”, aponta Helio.

Além de discutir cases inovadores de otimização de práticas e recursos, o evento também marca a parceria entre o jornal com a Amcham para a realização do prêmio ECO 2016, premiação realizada pela instituição. Além do Instituto Akatu, o evento contou com representantes na Natura, FSB, Citi, Tetra Pak, HP, Sinctronics e Sistema B.

Para ler a notícia completa, acesse o link no jornal.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: