Folha de S. Paulo: Manifesto de Davos: a demanda por novos propósitos das empresas

De acordo com Helio Mattar, as empresas mudaram a visão e passaram a caminhar para o capitalismo dos “stakeholders”.

Em seu artigo publicado neste mês de fevereiro no jornal Folha de S. Paulo, o diretor-presidente do Instituto Akatu, Helio Mattar, abordou o manifesto de Davos 2020. Em sua análise houve uma mudança na publicação deste ano, em comparação com o primeiro manifesto publicado no ano de 1973.

Desta vez, a preocupação com das empresas para o bem estar da sociedade, dos seus empregados, clientes, fornecedores e comunidades locais entrou em pauta. O artigo completo você confere aqui.

Gostou da notícia? Compartilhe!
Ajude a disseminar o Consumo Consciente entre os seus amigos.
Compartilhe:
Leia mais: