“Nos anos 50, bastava ganhar dinheiro; hoje o foco é socioambiental", alerta Savitz

Andrew Savitz assinala as diferenças entre o modo de fazer negócios hoje e no passado na Mostra Fiesp de Responsabilidade Socioambiental

O “calote” por parte dos consumidores que contraem dívidas colabora para o alto custo dos empréstimos bancários no Brasil, segundo conclusão de relatório do Banco Central (BC) sobre a evolução do crédito no país. Conforme o estudo, lançado recentemente, o aumento da inadimplência, isto é, da proporção dos empréstimos que não foram pagos  em 2006, provocou uma elevação do “spread” bancário, o que, por sua vez, puxou para cima os juros dos empréstimos.

O spread é a diferença entre o “custo do dinheiro” para os bancos, isto é, quanto os bancos pagam na captação de ...

Evento aponta compromisso do setor financeiro com o consumo consciente

Durante congresso das empresas de cartões de crédito, Helio Mattar, diretor-presidente do Instituto Akatu, foi homenageado

Muito provavelmente, seu banco e seu cartão de crédito mantêm negócios economicamente viáveis e rentáveis. É da natureza deles, e, pelo bem de toda a economia, melhor que o façam de forma segura. Mas esses negócios são também ambientalmente corretos e socialmente justos? É essa a pergunta que o consumidor do século 21 deve fazer ao prestigiar ou punir uma instituição financeira; ao depositar ou não ali seu dinheiro e seus investimentos; ao usar ou rejeitar determinada bandeira de cartão de crédito.

Esses foram alertas dados ao consumidor por Carlos Nomoto, superintendente de ...

Calote maior. Pior para todos

Crescimento da inadimplência gera clima de desconfiança no mercado, o que acaba prejudicando todos os consumidores

A inadimplência dos consumidores brasileiros subiu 1,2% nos primeiros três meses de 2007 em relação ao mesmo período no ano anterior. A medição é do Indicador Serasa de Inadimplência -  Pessoa Física, que também revelou que, em março, o índice aumentou 13,3% em relação ao mês anterior. O número de cheques devolvidos por falta de fundos subiu 19,7% de fevereiro para março deste ano.

Em números absolutos, foram devolvidos 23,1 cheques por mil compensados em março, ante 19,3 no mês anterior, conforme a Serasa. O número de cheques compensados no mês foi de ...

Tribanco dissemina consumo consciente entre 800 mil clientes

A empresa irá publicar no rodapé das faturas do Tricard os 12 princípios do Consumidor Consciente

O Tribanco, parceiro mantenedor do Instituto Akatu, começou uma campanha para disseminar o consumo consciente entre os clientes do banco. Todos os meses a partir de fevereiro, a empresa vai publicar no rodapé das faturas do Tricard (cartões de crédito do Tribanco) um dos “12 princípios do Consumidor Consciente”. A ação deve atingir aproximadamente 800 mil clientes.

De acordo com Érica Freitas Machado, assistente de Diretoria ...

Número de cheques devolvidos cresce em todo o Brasil

O consumidor consciente planeja seu orçamento e sabe que quanto maior a inadimplência, maior é a conta que todos nós temos que pagar

O número de cheques devolvidos em 2006 cresceu, em todo o Brasil. Para cada mil cheques compensados, 20,7 não tinham fundos. Isso representa uma alta de 9,5% sobre a média registrada em 2005, de 18,9 cheques devolvidos para cada mil, conforme levantamento recente da Serasa.

Entre janeiro e dezembro de 2006 foram devolvidos 35,5 milhões de cheques no País, dentre 1,7 bilhão de compensados. No acumulado de 2005, foram 36,7 milhões de devoluções, em um universo de 1,94 bilhão de documentos compensados. No ranking dos estados elaborado pela Serasa, maior empresa do Brasil em pesquisas, ...

Fechar

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail e clique em "Procurar" para recuperar sua senha.
Sua senha foi enviada para o e-mail informado.
Não encontramos seu e-mail em nossos registros. Se você não tem uma conta Akatu, cadastre-se aqui.
Ocoreu um erro inesperado. Por favor, tente mais tarde.
enviando...